Ministra buscará parceria com Israel para importar tecnologia de irrigação por gotejamento

Ministra da Agricultura, Tereza Cristina, anuncia R$ 3 milhões para programa de melhoramento de uvas em Petrolina/PE

Ficou impressionada com as variedades de uvas, a exemplo da Vitória brasileira e as Sweet Celebration, Timco, Sweet Sapphire, Sweet Globe, Sugar Crysp e Jacks Salute


Um investimento da ordem de R$ 3 milhões para a continuidade do projeto que foi criado em 2010 e vem apresentando grandes resultados com a aprovação comercial de 25 novas variedades de uvas de mesa no Vale do São Francisco. O anúncio foi feito na noite desta segunda-feira (15), pela ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, no encerramento da visita de um dia que fez aos municípios de Petrolina - PE e Juazeiro - BA.

Durante o workshop, que contou com a presença de produtores, exportadores e pesquisadores da área agrícola, a ministra também anunciou que vai buscar uma parceria com o governo de Israel para importar tecnologia de irrigação por gotejamento e afirmou que vai reorganizar a Embrapa. Ela valorizou muito o trabalho desenvolvido por esta empresa de pesquisa e vai procurar ampliar os horizontes para melhorar a assistência técnica aos produtores, enfatizando inclusive a possibilidade da criação de uma unidade de produção de novas variedades de uvas no Vale.

A ministra, que veio na companhia de vários auxiliares, dentre eles, os secretários de Agricultura Familiar, Fernando Schwanke, e de Política Agrícola, Eduardo Sampaio, além do secretário-adjunto de Inovação, Desenvolvimento Rural e Irrigação, Pedro Alves Corrêa Neto, ficou impressionada com as variedades de uvas, a exemplo da 'Vitória' brasileira e as Sweet Celebration, Timco, Sweet Sapphire, Sweet Globe, Sugar Crysp e Jack's Salute. Atualmente, todas acessíveis aos fruticultores do Vale do São Francisco.  Após ouvir as explanações sobre a parceria público-privada, que uniu  a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado de Pernambuco (SECTI) e fazenda Brasiluvas Agricula, do grupo Labrunier, Tereza Cristina disse que a Fruticultura tem um potencial muito grande para se desenvolver no país, e  que a Secretaria de Comércio e Relações Internacionais do ministério está trabalhando na abertura de mercados e na diversificação da pauta brasileira de exportações. O Brasil é o terceiro maior produtor de frutas do mundo, mas só exporta 3% de sua produção.

Ainda durante a visita, a ministra ouviu, pela manhã, uma série de pedidos e sugestões no Sindicato dos Produtores Rurais de Petrolina (SPR). De acordo com o presidente da categoria, Jailson Lira, a agricultura na região ganha um novo impulso com o novo MAPA. "A ministra Tereza Cristina ouviu representantes dos segmentos da fruticultura, leite, cana-de-açúcar, pecuária, aves, além do presidente da Federação da Agricultura do Estado de Pernambuco, Pio Guerra, e respondeu a cada um com muita firmeza, determinação e comprometimento".

Também em resposta a pauta da categoria, a ministra convidou os produtores regionais a participarem de uma missão de negócios que o Ministério vai promover em maio próximo ao Japão, China, Vietnã e à Indonésia. Participaram também da visita o senador Fernando Bezerra Coelho, o deputado federal Fernando Coelho Filho, o deputado estadual Antônio Coelho e o prefeito de Petrolina Miguel Coelho, além do presidente do Banco do Nordeste, Romildo Rolim. * CLAS Comunicação & Marketing

Comments

SEE ALSO ...